Adote um cão salve uma vida!!!

Adote um cão salve uma vida!!!

terça-feira, 19 de abril de 2011

Dicas naturais contra pulgas e carrapatos





Feridas em Sushi, causadas pela DAPP.



Dicas naturais contra pulgas e carrapatos

Hoje, temos no mercado uma infinidade de produtos que prometem acabar com esses parasitas e evitar que novos deles subam no seu peludo. Há uma variedade de opções: talcos, pipetas, sprays, coleiras etc. No entanto, devemos sempre nos perguntar: em que um veneno que, entrando em contato com a pele do animal e passando para sua corrente sanguínea deixa o cão ou gato livre de parasitas por um mês, pode prejudicar o meu animal?
Segundo um artigo publicado pela Drª. Karen Becker, que pode ser lido aqui (em inglês), muitos animais tem tido reações alérgicas às pipetas anit-pulgas. Em 2008, foram registrados, junto à Agência Americana de Proteção Ambiental (EPA) 44.000 casos de reações alérgicas que variavam de irritações na pele à morte do animal, nos casos mais graves (600 mortes).
Alguns dados foram levantados pela EPA, em relação aos animais que apresentaram reações. Cito abaixo alguns deles:

- Muitos dos casos aconteceram com cães com idade inferior a 3 anos;
- Cães sem raça definida foram citados com mais frequência. No entanto algumas raças também são vistas como mais propensas à reações: Chihuahua, Shih Tzu, Poodle, toy Lulu da Pomerania, Dachshund, Maltês, Yorkshire Terrier e Bichon Frisé.
- Alguns cães incluiam sintomas gastro-intestinais, tais como vômitos, salivação e diarréias;

É importante lembrar que pulgas e carrapatos dão preferências a animais com baixa imunidade. Assim sendo, oferecer uma alimentação que forneça os nutrientes necessários ao seu animal já ajuda e muito a reduzir os riscos de parasitas. No entanto, a depender do ambiente em que o animal vive, outras medidas podem se fazer necessárias.

Há 1 ano fomos morar em Porto Alegre e nosso apartamento lá era de carpete (Não sei porque gaúchos têm a infeliz mania de usar carpete no chão). O antigo morador tinha um cachorro que deixou de herança para Sushi uma inifinidade de pulgas. Não deu outra: Sushi se coçava o tempo todo e junto com isso começaram a queda de pelos e feridas pelo corpo. Diagnóstico do vet: DAPP.

Na época, ela usava Frontline pipeta e o vet nos aconselhou mudar para o spray. Não adiantou em nada. Então fui pesquisar alternativas naturais para controle de pulgas. Cito aqui as que usei com Sushi e outras que não testei, mas que também encontrei na internet. As que lembro onde encontrei, coloco a fonte. Outras não lembro. Se alguém souber a fonte, favor avisar, tá? ;)

1- "Chá" de Capim Cidreira:
Receita: Coloque um litro de álcool em um recipiente que possa ser fechado e coloque metade dele com erva cidreira fresca (Aquela de folha comprida) e deixe assim por 24 horas. Depois misture a solução que se criou a 10 litros de água e dez colheres de sopa de sal e coloque em 5 pets de dois litros. Então é só borrifar 2 x por semana e na casa toda, ou quintal, de onde podem estar surgindo as pulgas. Fonte: Comunidade As Neuróticas Mães de Pet
Essa receita eu fiz e borrifava em todo o carpete do apartamento 2x ao dia.


2- Chá de Cravo da India:
Receita: Preparar uma infusão e no último enxague do banho, jogue neles. Além de ficar um perfume delicioso, espanta carrapatos e pulgas. Fonte: Comunidade Vida de Cachorro
Também utilizei essa receita em Sushi e ela realmente ficava com um cheirinho maravilhoso de cravo da Índia.


3- Sabonete Phebo:
Passei a dar banho nela com sabonete Phebo, já que é feito de pétalas de rosas e estas servem como repelente para pulgas. Fonte: Comunidade Vida de Cachorro


4- Oléo de Neem e Citronela:
Estes são dois óleos naturais eifcazes no combate a parasitas externos em animais. Não cheguei a usá-los, pois consegui acabar com as pulgas antes de recorrer a eles ;)


6- Mudas de Capim Cidreira e Citronela:
Plantei mudas de Capim Cidreira e Citronela e espalhei pela casa. Ao fim da tarde elas liberam um cheirinho mais forte que também contribui com o controle de pulgas.


7- Alho:
E aqui, o meu predileto no controle dessas pragas. Sushi, desde que passou para a Alimentação Natural, sempre comeu uma fatia bem fininha de alho na sua refeição da noite. No entanto, quando fui morar em Porto Alegre, almoçava fora todos os dias, o que me fez esquecer de comprar alho para Sushi também. Depois do diagnóstico de DAPP, voltei a dar alho a ela e, dentre os que citei, acho que o alho foi quem mais contribuiu com o controle das pulgas. Segundo Karen Becker, o alho pode ser oferecido no intuito de reduzir os parasitas tanto internos quanto externo nos cães. No entanto, o alho se dado em grandes quantidades pode ser tóxico, como pode ser visto nesse artigo do Cachorro Verde. Hoje, aos meus peludos, ofereço apenas uma fina fatia de alho ao dia.


Tem uma dica natural contra pulgas e carrapatos? Posta nos comentários


Fonte: http://temcachorronacozinha.blogspot.com/2010/09/dicas-naturais-contra-pulgas-e.html#ixzz1JRTvzem2
Under Creative Commons License: Attribution Share Alike

3 comentários:

  1. Olá!
    Adorei o blog. Pretendo voltar.
    Sobre este tema, descobri que o Arruda é um ótimo espanta pulgas. Espanta até humanos, como eu por exemplo, que detesto o cheiro forte da planta. Por isso recheei os canteiros do jardim com mudas desta planta. Melhor prevenir, não é?
    Beijos e parabéns!

    ResponderExcluir
  2. Como acabar com pulgas e carrapatos, como ensinar truques, tudo sobre cão, cachorro ideal pra crianças e muito mais


    http://missaopet.blogspot.com.br/





    ResponderExcluir
  3. Como acabar com pulgas e carrapatos, como ensinar truques, tudo sobre cão, cachorro ideal pra crianças e muito mais


    http://missaopet.blogspot.com.br/





    ResponderExcluir